Exposies

Cássio Vasconcellos - Noturnos - São Paulo

DE 24/09/2002 - 19/10/2002 A

 

A Galeria Vermelho apresenta, de 24 de setembro a 19 de outubro, “Noturnos – São Paulo”, exposição individual de Cássio Vasconcellos.

Cássio Vasconcellos desenvolve sua pesquisa fotográfica desde a década de 80, e já participou de diversas exposições nacionais e internacionais, como no Stedelijk Museum - Holanda, Museo Nacional de Bellas Artes - Argentina, El Museo Del Barrio – EUA, Fundação Gulbenkian – Portugal, Palais de Tokyo – França, entre outros . Este ano expôs no Arte/Cidade Zona Leste e participou da Coleção Pirelli/MASP.

Há cinco anos, Cássio fotografa a cidade de São Paulo, não a fim de fazer um registro, e sim de propor um novo olhar sobre a paisagem. Com uma câmera Polaroid dos anos 70, Cássio percorreu a cidade à noite para criar uma imagem surreal, fantástica, fictícia.

A fotografia Polaroid, onde as cores surgem com uma saturação diferente do processo fotográfico convencional, passa por um scanner, e é então impressa em papel a base de algodão neutro, com tinta mineral que garante alta durabilidade.

A série “Noturnos - São Paulo” será publicada em livro da editora Bookmark, com texto do pesquisador e crítico de fotografia Rubens Fernandes Junior e do curador do projeto Arte/Cidade Nelson Brissac, e projeto gráfico de Hélio Rosas. O lançamento será na inauguração da exposição na Galeria Vermelho.

Algumas imagens desta série foram selecionadas pelo crítico argentino Marcelo Brodsky para o livro sobre fotografia contemporânea “Blink”, da PHAIDON, onde 10 curadores de diferentes países selecionaram dez fotógrafos cada, formando uma panorâmica sobre a produção de arte fotográfica contemporânea.

A Galeria Vermelho apresenta também desenho em carvão e cal de André Komatsu na fachada.