Exposies

Chelpa Ferro

DE 23/09/2005 - 15/10/2005 A

 

Criado pelos artistas plásticos Jorge Barrão (46), Luiz Zerbini (46) e Sergio Mekler (43), em 1995, o Chelpa Ferro, que atualmente participa da 51ª Bienal de Veneza, na Itália, apresentará, na Galeria Vermelho, quatro trabalhos.

Cabos elétricos, pratos de bateria, microfones, caixas de som. A principal característica da nova exposição do Chelpa Ferro, na Galeria Vermelho, é o uso que o grupo dá a objetos que quando retirados de seus locais usuais ganham novos significados, reverberando pelo espaço sem, entretanto, perder sua materialidade original. As duas instalações que compõe a exposição trabalham com essa idéia. A primeira é composta por 18 pratos de bateria de tamanhos distintos, 18 auto falantes variados, 18 hastes de metal, aparelhos de cd e temporizadores. Cada prato de bateria está montado junto a uma haste de metal que, quando acionada pelo temporizador, gira provocando um som metálico continuo e distinto devido ao tamanho e as diversas qualidades de metal. A segunda é composta por quatro objetos criados a partir de emaranhados de cabos elétricos. Além desses trabalhos, o grupo prepara um novo vídeo que será apresentado na recém aberta sala de vídeo da galeria.

A fachada da galeria será ocupada, durante o período da exposição, pela obra “luladepelúcia”, do artista plástico Raul Mourão.

Chelpa Ferro – “HUM” exposição individual no MAM - Rio de Janeiro em 2003. Participou das exposições coletivas “Paisagens Plásticas Sonoras”, SESC Pompéia – São Paulo; 51ª Bienal de Veneza – Itália; “Barroco” no Centro Cultural Banco do Brasil - Rio de Janeiro (2005), “Vol.” na Galeria Vermelha em São Paulo e da 25º e 26ª Bienal de São Paulo em 2002 e 2004 respectivamente.